bootstrap theme



Mulher
  
tive seu sorriso
entre os braços
sua cabeça
reclinada sobre
a mais leve pluma
os músculos adormecidos
à exceção dos lábios
toda sua alma
pela casa inteira
todo seu coração
que seu sorriso emoldurou
a flor de seu sorriso

outrora meu sentimento
era tinta sobre o papel.
hoje é a alma de meu coração

(1995)
 
 

Rodrigo Vaz © Poesia Alguma   2017     Sobre os Direitos Autorais